Igreja Matriz de Porto Santo

Um dos principais monumentos porto-santenses é a Igreja Matriz (também chamada Igreja de Nossa Senhora da Piedade), situada no Largo do Pelourinho em plena cidade do Porto Santo, a qual, por várias vezes, foi incendiada por piratas e corsários que aportavam na Ilha.

Hoje, conserva no seu interior belíssimos altares e telas, da autoria de Martim Conrado e Max Romer, cuja arte prende a atenção de todos os que visitam este templo.

É um templo católico que foi instituído no ano de 1430. Foi elevada a igreja paroquial em 1500 e, em 1566, foi pilhada e destruída quase por completo por corsários franceses.

igreja matriz de Porto Santo

A Matriz da capital do Porto Santo é uma igreja que passou por diversas fases construtivas, sendo quase totalmente reconstruída a partir de 1667.

O seu exterior é modesto, composto por dois corpos rectangulares de diferentes dimensões, correspondendo o maior ao corpo da igreja e o de menores proporções à capela-mor. Destaca-se a torre sineira, marcada por cunhais de cantaria negra rematados por pináculos e cobertura piramidal truncada, encimada por catavento de ferro. A linha da cimalha é interrompida por quatro relógios.

O interior, amplo, de nave única e coberta por tecto de madeira, possui ainda vestígios da construção inicial do século XV: trata-se da denominada Capela da Morgada, espaço contendo ainda alguns elementos arquitectónicos do gótico quatrocentista.

Partilhe este artigo com os seus amigos.

Ver mais artigos de Porto Santo

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *